14 de fevereiro de 2018
servos da terra

“Jejuou durante quarenta dias e quarenta noites e, por fim, teve fome.” (Mt 4, 1-2)

“Por que nós jejuamos? Jejuamos por vários motivos, é número 3.
O primeiro, porque o Senhor Jesus nos disse que certas coisas só são resolvidas no jejum e na oração.
Segundo motivo: Nossa solidariedade com os que passam fome. A gente é solidário com aqueles que são privados de alimento, quase sempre. Por isso, o fruto do nosso jejum há de ser distribuido entre os mais necessitados.
Terceiro motivo: Que a gente possa sentir no corpo o quanto a alma se ressente quando se afasta do seu alimento, que é Deus. Por esse motivo, ou pelo menos por esses três motivos, é que nós jejuamos. Jejuar não é passar fome. Jejuar é um gesto religioso, uma atitute religiosa, uma oferenda de si mesmo a Deus.” (Pe. Airton Freire)

“O jejum representa uma prática ascética importante, uma arma espiritual para lutar contra qualquer eventual apego desordenado a nós mesmos. Privar-se voluntariamente do prazer dos alimentos e de outros bens materiais, ajuda o discípulo de Cristo a controlar os apetites da natureza fragilizada pela culpa da origem, cujos efeitos negativos atingem toda a personalidade humana. Exorta oportunamente um antigo hino litúrgico quaresmal: “Utamur ergo parcius, / verbis, cibis et potibus, / somno, iocis et arcitius / perstemus in custodia – Usemos de modo mais sóbrio palavras, alimentos, bebidas, sono e jogos, e permaneçamos mais atentamente vigilantes.” (Papa Bento XVI)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Multimídia Terra


Fatal error: Uncaught Error: Call to undefined function pg_connect() in /home/funda153/public_html/blog/wp-content/themes/terra_antigo/sidebar.php:96 Stack trace: #0 /home/funda153/public_html/blog/wp-content/themes/terra_antigo/index.php(86): include() #1 /home/funda153/public_html/blog/wp-includes/template-loader.php(74): include('/home/funda153/...') #2 /home/funda153/public_html/blog/wp-blog-header.php(19): require_once('/home/funda153/...') #3 /home/funda153/public_html/blog/index.php(17): require('/home/funda153/...') #4 {main} thrown in /home/funda153/public_html/blog/wp-content/themes/terra_antigo/sidebar.php on line 96