ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS

Fundação Terra

A Fundação Terra foi criada por Pe. Airton Freire há 34 anos, no dia 08 de setembro de 1984, em uma comunidade popularmente conhecida como “Rua do Lixo” e que se localiza nos arredores do depósito de resíduos sólidos (“Lixão”) da cidade de Arcoverde, no semi-árido do Estado de Pernambuco. Nasceu nessa comunidade com o intuito de resgatar, literalmente, do lixo, homens, mulheres e crianças, identificados como o supra-sumo da miséria da cidade de Arcoverde. Foi fundada para servir aos pobres, no sentido stricto (do quotidiano) e no sentido lato (sistêmico). Possui como lema: “Na Terra para Servir”; servir aos pobres, por meio da educação, saúde e ações sociais, com vistas à superação da exclusão social e promoção da dignidade, perpetuando o carisma de, indistintamente, fazer o bem. É uma entidade civil de confissão Católica Apostólica Romana, sem fins lucrativos, e filantrópica, que possui certificado de utilidade pública municipal, estadual e federal.

Antes do trabalho da Fundação da Terra, a Rua do Lixo era uma área na periferia da cidade onde cerca de 200 famílias viviam reciclando o lixo do “Lixão” da cidade, enquanto outras pessoas viviam quebrando pedras em pedaços menores para a indústria de construção. Juntos, porcos e crianças procuravam entre o lixo por comida. Como resultado dessas condições desumanas, as crianças enfrentavam uma realidade de prostituição, alcoolismo, drogas e abortos. Ao longo dos anos, muitas coisas maravilhosas aconteceram e a Rua do Lixo se transformou. Por meio dos projetos da Fundação Terra, a comunidade começou a crescer na Rua do Lixo, e a realidade das pessoas mudou para melhor.

Em 2015 foi inaugurada no Estado do Ceará uma unidade da Fundação Terra para assistir à comunidade carente da região de Maracanaú. Dentre os projetos dessa unidade, encontra-se a creche Pleno Viver e o Centro Esportivo Renatus.

Os projetos da Fundação da Terra têm como objetivo integrar as famílias, ajudando suas necessidades básicas, ou seja, habitação e alimentação, saúde e educação (dentro das limitações financeiras da instituição). Os programas de desenvolvimento buscam capacitar às pessoas que moram na Rua do Lixo e nos municípios vizinhos, bem como em Maracanaú, contribuindo para a consecução das seguintes metas: erradicar a pobreza extrema e a fome, alcançar a educação primária universal, promover a igualdade de gênero e empoderar as mulheres, reduzir a mortalidade infantil e melhorar a saúde materna.

Sob o tema “Na Terra Para Servir”, a Fundação Terra busca sensibilizar voluntários e parceiros para a prática do serviço aos necessitados. Pelo exemplo da dedicação total aos mais necessitados, a Fundação Terra mobiliza pessoas que juntas formam um grande mutirão para a prática do amor. Sendo um exemplo vivo de que a mudança é possível para aqueles que vivem em dura realidade, a Fundação Terra traz esperança e apoia o resgate da auto-estima e do senso de dignidade humana daqueles que são esquecidos por todos: os pobres
 

Trajetória da Fundação Terra

1984 - Surgiu como uma associação. Foi iniciada a primeira escola, chamada Ping-Pong, com 30 crianças. Neste mesmo ano foram também iniciadas uma horta comunitária e uma criação de cabras, no intuito de proporcionar alimento e leite aos alunos da creche. Foi construído um galpão para os trabalhadores que quebravam pedras para fazer brita.
1991 - Inauguração do abrigo Domus Christi – ILPI, em Arcoverde.
1995 - Inauguração da Pax Christi Schola, em Arcoverde.
2005 - Inauguração da Fundação Terra, em Maracanaú.
2007 - Inauguração da unidade da Pax Christi, na zona rural de Arcoverde, Buíque e Sertânia.
2011 - Inauguração do Mens Sana, em Arcoverde.
2015 - Inauguração da creche Pleno Viver, em Maracanaú.
2016 - Inauguração do C Amor, em Recife.
2017 - Inauguração do Centro Esportivo e Cultural Renatus, em Maracanaú.
2018 - Inauguração da Oficina Ortopédica de Órteses e Próteses