28 de setembro de 2016
servos da terra

image

“Eu te resgatei, tu és meu. Eu dei o Egito por causa de ti, eu dei o ouro de Sebá por ti.” (cf. Is 43,1-7)

“É preciso ler os sinais e as demandas que nos chegam e responder a elas, a partir de um sério discernimento, sem o que tu passarás a viver como aqueles que usam de um projeto pessoal, sem considerá-lo conectado com uma dimensão mais ampla. Levante-te e anda! Vai apresentar-te. Mesmo quando proibidos de falar, os discípulos anunciavam. É impossível conter quando um encontro acontece e falar desse encanto que se manifesta, sobretudo, por um estilo de vida, por um modo de ser. Sem que tu fales, os teus atos poderão de ti testemunhar. E daquele em quem tu acreditas, a quem tu serves, mesmo que viesses te calar, a tua vida por ti haveria de falar.” (Pe. Airton Freire)


15 de janeiro de 2015
servos da terra

“O amor é quem mais fundamentalmente te conhece; é ele de todos os valores o maior que temos. Amor que é tanto servo como amigo, tanto é sábio quanto humilde. Amor, antídoto contra toda a solidão, mesmo a que se faz acompanhada. O seu contrário é frieza, mesmo quando no calor. Tristeza, mesmo em meio a risadas. Indo-se de vez, não sobreviveremos. Esvaziam-se as moradas, todas elas da alma, totalmente. Ar que se respira, o amor anima a alma, dá-lhe vida, novo alento. Só o amor faz sentido. Digo: só o amor permanecerá.”

Pe. Airton Freire

(Texto do Livro “Am(ai)”)

27 de novembro de 2012
servos da terra

“Zelando, todos se tornam participantes do amor que Ele tem para com todos. Reinamos com Ele à medida que zelamos, sacrificamo-nos e consagramo-nos por aqueles por quem Ele próprio amou e se entregou. Então, o totalmente oposto ao zelo é o descaso, é o desprezo, a indiferença, a ausência de cuidado, é o desleixo, a apatia , a indiferença, a frieza, como se nada mais lhe importasse, como se só tivesse que servir ao Senhor em certos momentos e não se tivesse de amá-lo sempre numa relação esponsal todos os dias de tua vida. Tal amor e zelo teve Cristo para com o Pai, da mesma forma que, como cabeça, Ele tem para com a sua Igreja. E nós nos tornamos participantes do seu amor à medida que amamos, não só afetiva, mas efetivamente. Amor efetivo tem um nome: zelo. O amor é efetivo, é o que transforma; aquele de que o mundo carece, aquele que nós próprios carecemos, necessitamos. Portanto, sem caridade não há unidade, sem zelo a alma sucumbe.”

Pe. Airton Freire

Páginas: 1234

Multimídia Terra


Fatal error: Call to undefined function pg_connect() in /home/funda153/public_html/blog/wp-content/themes/terra_antigo/sidebar.php on line 96