31 de outubro de 2017
servos da terra

“Vive a verdade, ama o bem. Ter misericórdia não é desleixo, ter misericórdia não é cumplicidade. Fala ao outro toda a verdade na caridade. Precisas agir para não demolir, para não destruir, para não seres intransigente. Que fique para o outro claro o teu posicionamento; deixa-lhe, também, capacidade de opção. Não sejas indolente; não te relaciones com outro já sendo do outro descrente; ele perceberia rapidamente e ele próprio seria de si mesmo descrente se, na sua ansiedade, não percebesse em ti um traço de confiabilidade. Dize-lhes, se possível até: o que fizeste até agora eu apago, agora para o que farás a partir de agora eu estarei muito atento, muito exigente e isso, afinal, contará. Cada passo teu eu hei de acompanhar. Sê digno da confiança que te é dada neste momento e ele haverá de decidir, haverá de construir, a partir de mais uma chance que lhe for dada, da confiança renovada. Eu repito: nem todas as pessoas vivem o teu momento; não sejas intransigente, porque, assim como eles, tu precisas, também, da misericórdia pelas vezes em que, mesmo querendo ou sem querer, foste inconsequente.” (Pe. Airton)

31 de outubro de 2017
servos da terra

30 de outubro de 2017
servos da terra

“Todos nós vivemos um estado de contínua tensão entre o já e o ainda não; entre o que queremos – porque ainda não o somos – e aquilo que buscamos e só em parte vislumbramos. Uma preciosidade, num corpo que é frágil, nós trazemos. Humana e, portanto, limitada, nossa natureza leva-nos a cair. Outra parte, a que como potencialidade trazemos, é a que nos abre chance para que, a cada queda, superemo-nos. Se sincero for o desejo de acertar, passos adiante, malgrado as quedas, poderão ser dados. Que seja, contudo, o amor a condição, sem o que, nada do que se tiver construído, permanecerá.” (Padre Airton)

“We all live in a state of constant tension between what is and what still is not; between what we want – because we still are not – and what we seek and are able to visualize only partially. We carry a treasure within a frail body. Our human, therefore limited nature, causes us to fall. On the other hand, the potential within us makes it possible to stand up once again after each fall. Provided the desire to do the right thing be sincere, in spite of the falls, one may take steps forward. However, unless love is the underlying condition, all that is being built won’t last.” (Father Airton)

Páginas: 12345... 18»

Multimídia Terra


Fatal error: Call to undefined function pg_connect() in /home/funda153/public_html/blog/wp-content/themes/terra_antigo/sidebar.php on line 96